ABC perde para o Remo e sai do G4
ABC

ABC perde para o Remo e sai do G4

Primeiro tempo de sufoco para o ABC que viu o Remo sair na frente com um golaço de Paulinho Curuá, depois de uma cobrança de escanteio. O Remo teve com Brenner outras três s chances de marcar, uma parou em Pedro Paulo, e as outras duas foram para fora, inclusive q que passou pelo atacante dentro da área pequena.

Fernando Marchiori que veio para o jogo com cinco desfalques, perdeu Patrick lesionado, entrou Thallyson que jogou pouco tempo e também saiu machucado, entrando Gustavo França, o que fez com que o ABC tivesse uma leve melhora, mas sem levar real perigo ao goleiro Zé Carlos.Mas de um modo geral o primeiro tempo do ABC foi muito ruim, especialmente nós minutos iniciais, com todo mundo “batendo cabeça” demorou para entrar no jogo, se organizar em campo o time de Marchiori.

Na segunda parte, as alterações de Marchiori não surtiram efeito. Jefinho mais uma vez não rendeu, Júlio Rusch estreou na vaga de Erick Varão e Alan Uchoa entrou para Ícaro. Uma jornada muito ruim do ABC, e que teve um lance capital que originou o segundo gol remista.

O árbitro Paulo Salmazio, do Mato Grosso do Sul, marcou pênalti de Henrique em cima de Leonam que não existiu, mas isso não inválida a atuação abaixo da média do ABC, que teve, e é preciso colocar na balança, os desfalques dos titulares Richardson, Marcus Vinicius, Wellington Reis e Wallyson, além de Daniel Vançam.

Com a derrota, o ABC caiu para a quinta posição com 24 pontos e agora encara o Floresta no Frasqueirão e queda de rendimento começa preocupar. São cinco jogos sem vencer, quatro empates e agora uma derrota.

Fala Marchiori!

” Lamentamos esse último empate em casa, mas faz parte em uma competição muito acirrada. Anormal foi como a coisa aconteceu, um escanteio que não houve e nasceu o primeiro gol deles e o pênalti que não foi. Em nível de classificação é pontuar em casa, fizemos uma partida dentro de uma normalidade, tivemos um ou outro atleta que não foi bem, mas foi dentro de uma normalidade. Agora é trabalhar bem a semana para enfrentar o Floresta”

Marchiori lamentou a perda de Patrick, que segundo o treinador ” as informações que chegam não são boas. Teve duas costelas fraturadas”.

Pionteck e Júlio Rusch

” Foram as necessidades que apressaram as estreias, mas mesmo com pouco tempo os dois se dedicaram mas agora precisamos em algum momento acelerar o processo e foi o que aconteceu hoje ‘

3 Comentários

  • Rubens 17 de julho de 2022

    Como saiu se está em quinto

  • Carlos Henrique Chal 17 de julho de 2022

    O problema do ABC, vem de há muito, não tem condições de jogar uma competição nacional, sem um articulador de meio. O time está jogando com bolas longas, facilitando a marcação do adversário e armando contra-ataques.
    Ou contrata esta semana um meia de qualidade ou então, não ter caído, já foi um bom resultado.

  • José 18 de julho de 2022

    O ABC precisa melhorar a saída de bola, não tem criação

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.