Expectativa: O sorteio da Copa do Mundo do Catar
CBF

Expectativa: O sorteio da Copa do Mundo do Catar

A FIFA realizará o sorteio que definirá os grupos do Mundial do Catar. Das 32 vagas disponíveis, 29 estão preenchidas. Restam um lugar para uma seleção europeia, uma vindo da repescagem entre Costa Rica e Nova Zelândia e entre o Peru e o vencedor do confronto entre Emirados Árabes e Austrália.O evento começa às 13h desta sexta-feira (1º), no Centro de Exibição e Convenção de Doha, capital do Catar.

As sete seleções mais bem colocadas no ranking da entidade, além do Catar, estarão no pote 1. No segundo pote vão estar os próximos oito classificados com a melhor posição no ranking. O pote 3 segue a mesma regra.No pote 4, além das cinco seleções de melhor ranqueamento, foram colocados três países que se classificaram através da repescagem – um duelo europeu e outro intercontinental.

Os potes para o sorteio

Pote 1: Brasil, Catar, Bélgica, França, Argentina, Inglaterra, Espanha e Portugal

Pote 2: Alemanha, Dinamarca, Holanda, México, Uruguai, Suíça, EUA e Croácia

Pote 3: Senegal, Irã, Japão, Marrocos, Sérvia, Polônia, Coreia do Sul e Tunísia

Pote 4: Camarões, Canadá, Equador, Arábia Saudita, Gana, Repescagem 1, Repescagem 2 + o último classificado da Europa.

Como funciona o sorteio

Anfitrião, o Catar estará entre os cabeças-de-chave e fica automaticamente no Grupo A. Os demais 31 times ficaram divididos nos outros potes, de acordo com o ranking da Fifa.

Além dos quatro potes com as equipes, existem outros oito potes determinando os grupos de A até H. Dentro destes potes, números de 1 a 4, que ordenarão as posições dos times nas chaves e formarão a tabela de jogos.O sorteio começa com o pote 1 e termina com o pote 4. Cada pote é totalmente esvaziado antes do próximo. É sorteada uma bola de um pote de equipe, seguida de uma bola de um dos potes do grupo, determinando a posição em que a respectiva equipe está colocada. 

Restrições

Como regra geral, a Fifa procura garantir que nenhum grupo tenha mais de uma seleção do mesmo continente, com exceção da Europa, pela grande quantidade de participantes (são 13 europeus). Cinco dos oito grupos terão duas seleções europeias. Os times que vierem das repescagens de junho também seguirão o princípio geográfico geral de separação de equipes da mesma zona de qualificação. É certo que, nas chaves de Brasil e Argentina, não ficará o vencedor do duelo entre Peru e Austrália/Emirados Árabes. Quando ocorrer o sorteio de um país não europeu, se já existir outra equipe da mesma confederação na chave, ele é automaticamente colocado no grupo seguinte, onde não exista tal restrição.

Um único estreante

Dono da casa, o Catar será o único estreante nesta Copa. O fato, apesar de não ser novidade, tem uma peculiaridade. Será a terceira vez na história, desde 1930, que o Mundial terá só uma seleção jogando pela primeira vez. Em 1950, no Brasil, a única estreante foi a Inglaterra — 64 anos depois, de novo no Brasil, foi a vez da Bósnia. Mas, nos dois momentos, elas não eram as anfitriãs. Em 2022, isto ocorre com o Catar. Todos os demais 31 participantes, que tiveram de passar por Eliminatórias, já jogaram a Copa em algum outro momento.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.